As verrugas, que são um tumor benigno na pela são originados por infecção de alguns dos tipos de pappilomavírus, causando crescimento do tecido infectado.

Verrugas

As verrugas, que são um tumor benigno na pela são originados por infecção de alguns dos tipos de pappilomavírus, causando crescimento do tecido infectado.

 

A verruga se transforma em condiloma acuminado quando ela atinge a mucosa genital e até oral.

Muito freqüentes, as verrugas são transmitidas se em contato direto como um aperto de mão ou um beijo ou até mesmo ao manusear um objeto contaminado.

A verruga chamada de condiloma tem transmissão através do contato sexual, sendo uma doença sexualmente transmissível (DST). Ela origina verrugas no períneo, que contamina as roupas íntimas, toalhas e até o recém nascido no parto. O condiloma causa lesões na vagina, pênis, glande, nádegas, uretra e ânus.

O papiloma é o vírus que transmite o condiloma.

Verrugas

As verrugas que nascem nas palmas das mãos e dos pés são chamadas de plantares.

Através de analise clínica, o médico diagnostica se o paciente realmente apresenta verruga. Na mulher, o exame de Papanicolau detecta a doença.

O tratamento ocorre normalmente por cirurgia de cauterização, porém elas podem ser recorrentes uma vez que sua presença tenha infectado as células.

Alguns medicamentos são utilizados para corroer a verruga.

e não tem a certeza se uma condição de pele é uma verruga, ou se os tratamentos caseiros aplicados conforme indicados não funcionam, recomendamos que vá ao médico.

A Crioterapia é uma criocirurgia que congela a verruga com nitrogênio líquido. Dessa forma, nascerá uma bolha ao redor da verruga e o tecido morto irá cair em até 7 dias. Essa técnica não deixa cicatrizes. Se as verrugas forem muito grandes, pode ser necessário repetir o procedimento por várias vezes. Este método é o mais utilizado atualmente.

Na cirurgia em que a verruga é cortada, o sucesso também é grande, porém o paciente sofre desconforto que dura várias semanas e ainda pode causar infecção e cicatriz.

Com a electrocauterização, a verruga é queimada através de uma sonda que destrói o tecido. Embora eficaz, esse procedimento deixa cicatriz.

O laser também é utilizado para queimar o tecido da verruga, mediante anestesia local ou geral. Sem deixar cicatriz, a cirurgia a laser é dolorosa e pode dar infecção.

Outro tratamento para verrugas é a aplicação de cantaridina, em que é aplicado um produto na verruga causando dor suave. A verruga será transformada em bolha após algumas horas. Seu efeito é igual ao do nitrogênio líquido, causando uma bolha que fará com que a pele morta caia ou mesmo seja removida pelo médico.

O medicamento AAS, ou Ácido salicílico também pode ser aplicado, todos os dias, até que a verruga seja curada, porém este método queima, além da pele da verruga, a pele boa, necessitando uma proteção ao redor da aplicação.

Assine nossa Newsletter

Newsletter

Cadastre-se para receber nossas dicas, novidades e notícias

nome e-mail


Site a venda no Farmsite

Verrugas Tratamento - www.verrugastratamento.com.br

As informações aqui contidas são de utilidade pública, não possuímos vínculos com nenhuma das empresas citadas e não nos responsabilizamos por alterações nas condições dos serviços citados.